Jogadores

Osvaldo admite: “No futebol não era feliz, mundo de m…”

image-14

Osvaldo, ex-jogador do FC Porto, admite em entrevista que perdeu a alegria de jogar. Enquanto fuma um cigarro, conta como decidiu deixar o futebol.

Longe dos relvados, depois de deixar o Boca Juniors, Pablo Osvaldo assume que não quer voltar ao futebol, deixando mesmo duras críticas a tudo o que rodeio o desporto. O ex-jogador do FC Porto, onde passou sem grande sucesso, admite que era feliz.

“No futebol não era feliz, é um mundo cheio de m…. Não tenho nenhum problema em falar disso. Deu-me tudo na vida e foi uma das minhas grandes paixões. Encantava-me jogar e ainda mais fazê-lo com a camisola do Boca, clube do meu coração. Nos últimos anos, todavia, dei-me conta de que não pertencia a esse mundo. Ganhei bastante com o futebol, mas não é tudo na vida. Fazia-me infeliz e disse basta”, conta o internacional italiano numa entrevista à FOX Sport.

Na conversa, Osvaldo, 30 anos, não tem problemas em “sacar” de um cigarro. Agora, tem na música o grande refúgio. Para trás, fica uma carreira com passagens, entre outros clubes, por Fiorentina, Roma, Southampton, Juventus, Inter, FC Porto e Boca Juniors.